SES capacita profissionais das vigilâncias de todo o estado em Inspeção Sanitária

postado em: Notícias | 0
Foto: Ascom SES

Os profissionais das vigilâncias municipais e estadual de Sergipe terão uma nova oportunidade para aprender e se atualizar. Começou, nesta segunda-feira, 3, no auditório do Hotel Comfort, das 8h às 18h, o Curso de Capacitação em Inspeção Sanitária em Serviços e Produtos, evento organizado pela Secretaria de Estado da Saúde (SES), por meio da Coordenação de Vigilância Sanitária, com o apoio da Fundação Estadual de Saúde (Funesa), que tem como propósito informar aqueles que estão começando, abordando as noções básicas de vigilância, e aperfeiçoar os que já desempenham suas funções na área.

O curso tem 160 horas de duração e oferece 200 vagas que foram divididas em quatro turmas de 50 pessoas. A primeira turma começa hoje, dia 3, com encerramento em 7 de junho. A segunda turma fará o curso de 10 a 14 de junho, a terceira de 9 a 12 de julho e para a quarta e última turma o curso acontecerá de 26 a 30 de agosto.

“Esse é um curso básico onde estamos colocando todas as VISAs do estado, sem nenhuma falta. É um curso extenso de 160 horas que foi dividido em quatro grupos, com o primeiro iniciando hoje, e que vai ajudar todo esse pessoal, vai capacitá-los. Por ser um curso que dará respaldo para o trabalho de Vigilância Sanitária, o pessoal vai ficar bastante satisfeito. São 200 técnicos em vigilância sanitária de todo o estado de Sergipe para fazer essa capacitação e nós estruturamos da melhor forma possível oferecendo, inclusive, almoço. Tomara que seja bastante proveitoso, espero que todos gostem”, disse o coordenador da Vigilância Sanitária da SES, Ávio Batalha de Brito.

Foto: Ascom SES

A ministração das aulas está a cargo da tecnóloga de Alimentos, especialista em Vigilância Sanitária pela Escola de Saúde Pública do Ceará e em Vigilância em Saúde e Gestão, Rosemeire da Silva Barbosa, atuante na área desde 2009.

“Esse curso está voltado tanto para os municípios como para o estado, para os profissionais que trabalham nessa área, e vamos elencar algumas temáticas voltadas para alimentos, serviços de saúde, o histórico da Vigilância Sanitária, questões de coletas de amostras, vamos fazer um mix de algumas temáticas das ações básicas que um profissional de Vigilância Sanitária precisa saber para terem a conscientização de como devem desempenhar suas funções. Alguns profissionais são novatos no serviço então o curso trará informações novas para quem está começando e atualizará quem já está na área. O curso tem um diferencial, não é meramente passivo, será pautado na construção dialogada. Mesmo os novatos têm como contribuir e a nossa vivência vai ser de dialogar e trocar experiências”, explicou.

Para a fiscal de Vigilância Sanitária do município de São Cristóvão, Katia Patrícia Santos Lima Ferreira, um curso como esse só tem a acrescentar. “Eu estava na Vigilância Ambiental e participei de todas as capacitações, agora, na Sanitária, essa será a primeira. Vai servir como uma reciclagem do que a gente já sabe e também para colocar em prática os novos conceitos, por que tem muita coisa nova agora. A expectativa é para o que tem de novo”, comentou. “Não importa o tempo, o curso é sempre bem-vindo, porque a gente se atualiza”, completou a também fiscal de Vigilância Sanitária em São Cristóvão, Glaucia Cardoso Veloso.

 

Ascom SES